quarta-feira, agosto 24, 2005

Ser ou não ser pacóvia...

Ora Bem, ser pacóvia é o que tenho sido com certas e determinadas pessoas, que lá por serem criativas, essa mesma criatividade para comigo tornou-se escassa, de tal forma que se tornam verdadeiras pessoas incrédulas e passíveis de qualquer comentário.
Não queria que cada vez que me vissem, houvesse uma erecção... mas gostava de uma reacção amigável!

Ser pacóvia... é ser realmente uma naba, e tenho sido. Tolerante nos maus entendidos mas se pacóvia realmente me tornei, certeamente que há cura, pois, estou a dar-me conta do prejuízo mental que atravesso cada segundo que penso nste tema.
Realmente tem razão quem me chama pacóvia, porque realmente sou quando se trata de algo que conta para mim, posso não ser romântica ... mas ao nível de pacovisse ninguém me para!!!

Acredito que ando instável no que diz respeito das minhas certeza, mas ao menos não tenho ideias fixas. Sei que ter ideias fixas para mim é um tanto um desperdício de tempo, pois ser uma pessoa Egoísta de pnsamento é deveras solitário e tristonho. E Tudo o que quero na vida é que aqueles que me rodeiam sejam felizes, e claro desjo estabilidade emotiva nos meus pesamentos....
Pronto ... lá estou com discurso de pacóvia, até parece que estou a preparar para um concurso de beleza, a seguir só falta desejar paz no mundo e que em África não haja fome nem guerra... que bosta!
Na verdade cada vez que me chamam pacóvia penso na pessoa que me o chama...
se me o chama é porque:
a) Está a meter-se comigo, quer provocar
b) Quer ver a minha reacção, mesmo assim não está realmente a falar a sério
c) Estás com dúvidas em perceber-me e para sua defesa... chama-me isso
d) Acredita que é irresistível, uma bomba, um verdadeiro Joaquin e acha que se sente superior
e) Nem tem ideia o que significa, diz porque não sabe o que dizer, enfim, ficou sem assunto - o chamado desbloqueador de conversas
f) Por mais que pense... nenhuma das acima opções indicadas, é simplesmente atrasado mental!

Aceito que não sou indiferente a tudo, mas irritada fico quando choco com alguém que parece ser uma fantástica pessoa e depois limita-se a ver criatividade em desenhos e esquece-se que a vida é mais que ficheiro que se molda.
Viver apreensivo, sem puder gritar até ficar rouco!
Dizer Basta! Dizer Adeus... ou mesmo até logo... apenas diz.. "tbm nunca nos demos muito mal á coisas é k não somos compativeis"
Viver na base das ameaças se se chateia...
Não diz o que sente...diz coisas com até breve, um dia... "és muito boa alma... " "continuo a ser a ter muita consideração por ti..."
Vive em sobressaltos à espera de um sonho, eu ao menos vivo em busca desse mesmo sonho!

Sou pacóvia e depois?... Ao menos vou à luta.
Não fico quieta à espera que ninguém note que por dentro ardo no vazio de um pinhal em Portugal em pleno Agosto... isso sim é caótico... mas como diria um estagiário... um Caos Organizado, se é que isso existe

1 comentário:

ouro negro disse...

quem é o gajo?