terça-feira, fevereiro 28, 2006

Carnival Of Simple Pleasures



Carnaval Animal! Carnaval no Maxime!

A revolução dos poderes, a enovação de conhecimentos.
Encontrei amigos do peito, fiz alguns novos e diverti-me até ficar sem voz.

A beleza de estar viva e a vontade de ser feliz, a mote destes momentos violentos foram... BE Happy.

Tão Bom... que até na Guarda fui ouvida pelo Meca e a Joana sardenta até o VJ de Manchester com um nome muito pouco friendly sorriram e abraçaram.
Um Obrigada... e voltem sempre!

domingo, fevereiro 26, 2006

Le Raison Naïf


Estou a lembrar, a suavidade. A forma terna de um jogo Truth or Dare, em que o Dare era o princípio.
Noites frias longas, intensas cheias de carinho, envoltas de uma estranha forma de cumplicidade, de uma necessidade de querer sentir, o toque suave disperta a vontade de ir mais além, sem querer pensar muito, sem exigir absolutamente nada.
Se bem me lembro, poderia ter sido ali, como num quarto de hotel ou a té mesmo numa pensão ranhosa. Indiferente. O importante era a junção de dois seres que se iam descobrindo...
Bela memória ... tão inocente, como a leviendade que nos encontrámos...

sexta-feira, fevereiro 24, 2006

I didn't start the Fire!

No meio da tempestade daqui dos vizinhos As Coisas, ando a tentar acalmar as hostes, ou se calhar não. Certo é que o amor está no ar e a folia aparece como forma de expressão... amigos, é Sexta Feira e não é dia de Feira da Ladra...Vamos a isto!
Mas passo a transmitir o que me trouxe aqui hoje.
Qu
ando era pequena adoraaaaaaaava o carnaval, hoje adoro,Não estou a ser contida, estou é cansadinha, sei que a festa já não aguenta no meu corpo tantas horas de seguida... horas que chegavam a perfazer dias.
Só tenho uma coisa a apelar, porque é sexta feira e porque a festa já começou, peço-vos ... dancem, pintem,comam, bebam,
amem, cantem e pulem, pulem muito,para quem não gosta, que descansem como bem entender... mas se têm algum bichinho dentro de vós (nem que seja um bichinho da conta ou da seda) porque não também dançar e cantar e pular muito,há-de haver algum sitio onde o carnaval passa ao lado ... Há sempre uma forma a amar e degostar o momento.
Vamos é curtir as festa pagã e depois falamos das cinzas!!!!
Üi, kå bøm!

Freedom... security ... immunity


Munity shell will be reflected...



quinta-feira, fevereiro 23, 2006

The next Big thing ...

... O meu coração bateu, e o espanto avassalou ao som de The Windmills Of Your Mind na voz de Dusty Springfield ...


Dose Dupla



No rescaldo de ontem ter ido ver a ante estreia de "Capote"... e porque estava sozinha,
decidi logo de seguida ver " Brokeback Mountain".

Pronto... Cheguei a casa já passavam das 3 da manhã, mas cheia de fitas na cabeça!

quarta-feira, fevereiro 22, 2006

Realidade dos factos


Depois da minha avaliação de desempenho nesta multinacional, pensei para os meus botões, ou se calhar eram mais fechos... será que o tamanho interessa?
E que tamanho falo? Do Físico, do Real?
Claro que sim... ou se calhar nem por isso... Será o tamanho físico ou será real.
Se falamos do meu ordenado, o real é quanto maior o seu tamanho, maior é talhado para os IRS, aquela métrica do escalão é muito traiçoeira.
Se fôr mamas interessam sempre o seu tamanho, isto numa perspectiva de gajo, quanto maiores mais é a loucura!
Numa visão mais larilas de miúda... o que interessa nem sempre o tamanho, mas a atitude e o design...
Em suma, Isto tudo é muito real... isso sim! é que se subo de escalão o tamanho do meu ordenado murcha e murcha muito.

terça-feira, fevereiro 21, 2006

Reflecting my tenderness in a kiss so long desired


One adventure of this kind, curse on that moment when I beheld you.
So
tender, helpful and loving... everytime i touch.
Preserving the intensity... Longing for Fulfillment, for the abduction that will set me free, But why has it been so long.

Above all, I desire this violent rage of engagement, is somekind of freedom, i confess, enough to conceive... somehow it apears only with you.

segunda-feira, fevereiro 20, 2006

Monday Monday ....

Só para lembrar a todos os lampiões que o tempo de VITÓRIAS esgotou....
Vitória agora... só mesmo a Águia e talvez o Gumarães???!!

domingo, fevereiro 19, 2006

sexta-feira, fevereiro 17, 2006

Fui incisiva ... estava a merecê-las!


... Paciência
Eu nasci assim, cresci assim, vivi assim, estas são as minhas regras e há que respeitá-las... não as mudo, só para agradar o primeiro que me paga uma bebida!
Grow Up, Please!

quinta-feira, fevereiro 16, 2006

quarta-feira, fevereiro 15, 2006

Hoje li no Jornal...


Estava atrasada, mas tive tempo de ir à banquinha buscar o "metro" ... manchete em letras bem gordas era: " Um quinto dos homens tem disfunção sexual..."
Deixou-me preplexa! Continuei a ler e mais à frente acrescentava que 1 em cada 5 portugueses padece deste problema com idades ente os 18 - 75 anos.
Isto faz com que quase 20% dos gajos Tugas não conseguem erecção à primeira ou se a conseguem ... acaba num instante a alegria, tudo bem se fôr acima dos 60 anos... acho que até é normal... mas entre os 18 e os 40???? São assim tantos?!?!? Que se passa?
Pertinente foi o que comecei a matutar... Se todos os bons pais de família são benfiquistas, poderá a disfunção estar associada com a miséria dos lampiões? Assim a estatistica aumenta e passa a 6 milhões! Que solidão!

Triste notícia para uma garota solteira e sportinguista!
Pior é que 47% destes gajos não fazem nada para se tratar...

Para longe ... para o frio



já cheira a primavera...
os dias estão quentinhos, o sol começa a aquecer...
nos estendais já se vê a roupa a corar e os amoladores afiam as tesouras e facas de cabo de madeira castanho...
já se vê as crianças a brincar aos gritos e a correr pelos jardins a fora.
já cheira a fim de tarde ... enfim, Lisboa.

terça-feira, fevereiro 14, 2006

Aos amores...

E aos desamores, não é por hoje ser o dia de S. Valentim que se ama mais... é como o Natal ... é sempre que um homem quer e uma mulher deixa!
Sejam felizes e deixem-se de mariquices!

segunda-feira, fevereiro 13, 2006

Repouso a quanto obrigas...


Hoje olhei-me no espelho e não senti a idade que tenho, serei normal?
Senti que por mais que possa estar só tenho uma vida bem recheada e cheia de aventuras...
Agenda carregada de compromissos e bons contactos.

Estou feliz!

As resoluções de ano novo deram frutos... só falta mesmo é limpar debaixo da cama...

pièce de resistance



crème de lá crème
j'ai apellez...
je désire ton bouche
je resiste avec le temps...
à bientôt

quinta-feira, fevereiro 09, 2006

Miller, Where Art Thou?


Bom, estão todos á espera, que diga qualquer coisa sobre os orgasmos que tive durante os DM, de tão sóbria que estava, nem sequer bebi e o único cigarro que fumei já iam no segundo encore... eu sei, eu sei... esperniei... e entreguei-me de corpo e alma à melodia e à genica que aqueles senhores possuem e lá estive duarante duas horas a suar estopinhas e a gritar estrofe a estrofe. Pronto... uma auntêntica teen . Evidentemente que já sabia ao que ia... e juntei-me aos melhores... ir para casa era algo que nem sequer me passava pela mona, e estava tão sóbria, pah.
Depois de trocas de portáteis em barracas... e de muita provocação... lá nos dirigimos para a loucura, ou não. O primo lá nos tentou e nós cedemos ... fomos à missa e comungamos é certo. Aí sim, estava seguro começar a beber uns shots puros de vodka... e lá fiquei na amena cavaqueira... e lembro-me de certa altura pensar... " Kat, a tua bexiga explode dentro de 5 minutos... apressa-te!" e expliquei onde ia... QUERO salientar que estavamos a ter uma conversa amena até bem interessante, e só isso!!!!
Bom mas pensei eu que todos sabem como é WC de gaja ... aquilo são vidas que se perdem e que se fazem esperando pela bonanza... quando regressei ao balcão aliviada... Merda... onde é que ele está?
onde?? Onde? ONDE?
Procurei por todo o lado até na rua debaixo de um carro ... vai-se a ver o gajo fugiu?!
É isso... uma tampa? Daquelas ... aproveita que saio e baza?
Basicamente, e nas palavras "sábias" do amigo Jel ... " Kat, o Gajo cagou para ti! Fuma aí que esqueces ..."
Mas ... senti o episódio das lentes de contacto dos anos do Petzi de novo na minha cabeça ... e fui à caça dele, ou não... e voltei a procurar, nos mesmos sítios, até fui à dispensa... Tinha de haver uma razão! Morreu? Foi raptado? Bateu com a cabeça na parede e perdeu os sentidos...
Mas a razão era mais forte ... depois de 45 minutos em buscas feito perdigueira... cansei-me e fui sozinha para o Incógnito! E Gozei feita doida!
Afinal de contas... era a minha noite MODE, porra!!!

terça-feira, fevereiro 07, 2006

segunda-feira, fevereiro 06, 2006

No meio de tantos... o que realmente queria:

  • que voltasses
  • que me beijasses
  • que me surpreendesses
  • piamente na brusquidão desta espécie de rompante que se abateu sobre nós...

Treinos ...


Just give me a reason, some kind of sign
I'll need a miracle to help me this time
I heard what you said, and I feel the same
I know in my heart that I'll have to change

Even the stars look brighter tonight
Nothing's impossible
I still believe in love at first sight
Nothing's impossible

Counting Down

Enjoy the Silence!

Curiosidades minhas a ler jornais ...e dormir de novo ...


. Michael Winterbottom (autor de "9 songs" e "24 hour party people") irá estrear "The road to Guantanamo" no Festival de Berlim.

. Sexualidade dos deficientes mentais ainda perturba alguns técnicos.

. Koeman revolucionou equipa mas voltou a ser goleado. O primeiro lugar está a fugir "impiedosamente" da equipa da Luz.

. Morreu o último dos Parodiantes de Lisboa (Rui Andrade com 84 anos)

. Caneira dá vitória ao Sporting, o defesa viu 34 mil espectadores a gritar ... já estamos em 3º Lugar

domingo, fevereiro 05, 2006

Domingo da Guerreira


Já não dá para estar mais de 28 horas acordada....
Hoje é dia Zen...
Reflexão, ronha e descanso... para comemorar o 2 lugar temporario do Sporting no Campeonato!
.... Em escassas horas... de 5º para 2º.... Cool!

sexta-feira, fevereiro 03, 2006

Marguerita para a mesa 16, SFF!!!

Como é que das 18.30H às 00.00H o bar não fechou?
Happy Hour cheio de descontração!
Foi do alcool? Foi da conversa? Foi da companhia?
Foi da música? Foi das fotos? Foi dos sorrisos? Foi dos olhares?
Foi da parvoíce? Foi da Chuva? Foi da sinceridade?
Foi divertido? ... Pelo menos aquela mesa estava mesmo aninmada!
Ah! Pois era a minha... que fixe!
Thanks!

quinta-feira, fevereiro 02, 2006

Rola ... e os seu conselhos de " Sex & the City"




Para mim a felicidade de ter uma amiga é grande, pois ter amigas sempre foi difícil, quase sempre há confusões e puros mal entendidos, nem sequer falo da competição idiota que todas encaram como desafio. Sendo que para mim, com meu feitio especial ainda é mais problemático e que torna-me uma gaja que tem gajos como amigos.
Na verdade começo sempre por desconfiar, mas no final encaro como pura naturalidade... Este sentimento começou a dissipar-se com o chegar dos 30 e de ter de refazer por completo o meu naipe de amigos. Sendo que há 4 anos para cá tenho tido os ditos "encounters" femininos, há várias donzelas que me encantei por não cobrarem nada de mim, respeitam-me pelo que sou e ponto final. Dentro da gang, há sempre assunto entre as gajas, e mesmo que a Sumares ache que sejam conversas futeis (que muitas não são), os assuntos são sérios, chatos, divertidos ou úteis.... Não é necessário ser homem, para que a conversa fique mais interessante. Nem sequer falo da ideia estupida das mulheres irem em bandos para a Toillete, pois isso eu também nunca suportei... só em causo de fins terauticos é que isso se justifica.
Certo é que conheci muita garina e alegrou-me. Saber que não estou sozinha e que não sou assim tão intransigente como algumas me pintam... mas a surpresa máxima, e desculpem as restantes, que estão também no meu coração ( e não ... não, vou começar a cena típica de bater no fundo do coração... como aconteceu nos anos do meu querido Petzi... pois aí personalizei a todas o quanto gosto....), mas tenho a dizer que a Rola é imparável, e incomparável...
Se há pessoa que pensa como eu, que me identifico é esta senhora, da qual não me inibo de dizer que admiro. Mais certo é alguém que sei que quando confio assuntos trivias ou pessoais, logo começo a ouvir os diversos discursos em que me delicio, pois, quase todos terminam numa gargalhada geral!
Enfim, se este blog é acusado de diário feminino sentimentalóide de uma trintona solteira ... desculpem, divorciada que exprime constantemente o seu estado de espirito, então deixem-me dizer que a Rola é a minha Carrie do "Sexo e a Cidade"... há momentos que tenho a certeza que estou a viver um episódio típico,.... Fabi sendo a Charlote, a coerente e a única que racciocina até ao fim e eu uma Miranda /Samantha stressada ... só é pena que o realizador não apanhe os melhores momentos.... pois mais personagem existem.
Isto tudo, porque hoje em breves momentos... num sobe e dexe do MSN (típico da Rola) soltou o seguinte conceito/ conselho que tinha lido em tempos não sei aonde: "...as mulheres podem fingir um orgasmo, mas os homens fingem uma relação inteira" e lá ficamos em offline (típico) a dissecar estas palavras e a comentar s usos e costumes de afins...
Onde é que poderia ter amiga assim?
São breves instantes que valem ouro , ficar com dores no maxilar de rir de boca bem aberta, até estalar!!!! Pode ser lamecha ... assumo! Que me perdoem... mas é o que sinto!

quarta-feira, fevereiro 01, 2006

Acordar manhoso


Há semanas que andava a queixar-me, a mim própria, que a merda do meu despertador que a minha mom me tinha oferecido no verão com tanto amor e carinho, não tocava, isto é, ele tocar era dias... dependia o estado de humor e da estação de rádio que punha.
Ora se era TSF, Radar ou Ant3na .
Digo-vos já, que ele ficava muito irritadiço com o Nuno Markl e nunca percebi o porquê... o que é certo é que censurava o seu/meu despertar cada vez que o punha no ar. Muitas das vezes só despertava já ouvia o Fernando Alvim, ora aí, era eu que já ficava irritada... e não é que o filho da mãe do alarme despertador boicotava o programa... mas não era por mal, penso eu.
Diga-se que para mim a hora Alvim é já hora de estar em frente ao meu computador a ver mails, não estar a abrir os olhos e a retirar aquela ramela. Logo ficava piursa! Logo esta estação ficou banida.
Em relação à Radar... acho que o despertar era tão calmo que era eu que ele voltava a adormecer... nunca cheguei a perceber se alguma vez deixou ir para o ar a música alternativa... e quanto à TSF... Não sei, acho que este despertador sentia-se pressionado deter tanta novidade a dar logo pela matina e por isso remetia-se ao silêncio.
Pensam vocês, porque é que não pões o Buzzer ... sim tb usei essa opção... mas era ainda mais confusa a tarefa... piava tão baixo que ouvia primeiro o tique taque do relógio que tenho na sala do que o buzz. Havia ainda a última opção que era um segundo alarme que continha o canto do galo... ora como todos sabem a velha do rés do chão do prédio ao lado em tempos teve dois galos, e só Deus sabe o que sofri... aqueles paneleiros começavam a degladiar logos às 4 da manhã... a dita ALVORADA! Logo ... a piada de ter um alarme com o carcarejo de um bicho que tentei matar com um chinelo várias vezes era em vão.
Bom, lá fui comprar outro despertador... um todo xpto, cheio de modernices e sem galo... com umas colunas descomunais pois também lê/disperta com Cd's. Estive pronta e atenta a ler as instruções... e lá programei a 5ª maravilha.
Esqueci-me de um pequeno pormenor, e diga-se ... um filha da puta de um pormenor, o volume.
Hoje às 8. 23 da manhã fui projectada com o som daquela bomba! Bolas!!!! Que ia furando o tímpano....até tremi, não sabia ue tinha posto o despetador em MODO RESSACA... só sei que o braço tremia a medo até chegar ao snooze. Acho que matei uma comunidade de ácaros e a aranha no canto da parede secou num ápice. Houve momentos que pensei que tinha perdido a voz, com o medo! Tive que prontamente ir ao WC senão molhava-me toda... que coisa....
Senti que tinha sido alvejada com aqueles dardos anestésicos que se dão aos elefantes, mas este era de som... só ouvia em feedback!
Tomei duche e lá acalmou!
Na dúvida já baixei o volume, só espero que amanhã quando derem o estado da nação na TSF, não sinta que tenho a Dulce Pontes a gritar tipo farol ao meu lado, de novo não aguento é que tenho um AVC antes dos 32!

Abduct me ...


Coupling Of Passion
We fight our resistance,
Until there is no hiding places.
Breathtaking ...
Visions of entanglement
I Push against you hungry mouth
As the tip of my tongue slides up
Soft under my finger tips
My mouth overflows
i taste your skin between my lips
You are my erotic lust
We demand no control
We look into each other's eyes
without deception or disguise
We are together in a hungry embrace
You can do it, stanger