quarta-feira, dezembro 13, 2006

Cinema Badalhoquismo no Bacalhoeiro

"A tanta badalhoquice junta, só resistem estomagos de aço! Sangue encarniçado, mutilação a gosto, orgias violentas, assassínios orgásmicos, torturas a sangue frio, sexo à bruta...enfim, um rol de episódios sórdidos e historinhas asquerosas para seduzir os mais sádicos. Primeiro, a curta-metragem “O Fim do Nosso Amor”, tragédia recheada de automutilações e romance altamente destrutivo. Segue-se o animalesco, com “O Galo” mutilado por uma criança. Depois “48 Horas de sexo alucinante” concentradas em 4 minutos da autoria de Zé do Caixão, para aprender a preparar uma orgia. O final é feliz com o jovem que “Matou a Família e foi ao Cinema” ver Perdidos de Amor, porque há gente assim, que não resiste a uma sessão, sobretudo quando há matança e mau gosto.
É o elogio do trash e do gore! "
Tou Lá, dia 19 Dezembro - Bacalhoeiro Rua dos Bacalhoeiros, 125, 2º andar às 19h!

2 comentários:

António A. Antunes disse...

sou badalhoco. talvez sim, talvez não. quem sabe?

Jonas disse...

Consegui adiar a minha ida para a lezíria, posso conspurcar-me à vontade!

Rosinha, ó Katarina? :P