sexta-feira, fevereiro 16, 2007

(A)muletas linguísticas...

A tendência de passar uma vida inteira a ler e ser instruído para mais tarde ser alguém na vida é-nos incutido desde tenra idade, o pior são as muletas línguísticas que adquirimos ao falar, e trouxe à minha memória uma questão que me mantém intrigada já há muito tempo, ele é fonix, fogo, portanto, logicamente,brutal, cena, coiso, men, dasse, meu, pá, pois, daah, exacto, é assim, puto, entre outras infindáveis, mas a que me irrita mais é necessáriamente, a muleta TIPO, padeço dessa colagem que foi socialmente transmitida oralmente... apanho tudo... confesso que sou um bocadinho prosmíscua no linguajar, pois porque isto , 'tipo' pega-se! 'Tipo' uma pessoa sabe falar correctamente e 'tipo' de um momento para o outro, 'tipo' esquece-se se construir a frase, sem o auxilío destas merdas! e 'tipo' fico irritada, porque 'tipo' ontem conseguia ser uma cena e 'tipo' agora é decadente.
Tipo. Uma ajudinha destas é o necessito para o discurso de hoje, 'tipo' deve chegar, né?!

1 comentário:

Mafa disse...

Bem pensado.."tipo" tens razão!