terça-feira, março 02, 2010

Caprichos Gourmet

Gosto de chegar a casa tarde, ter o cuidado simples fazer um caldinho com coentros e salsa e largar um punhado de nomes de animais, pessoas, localidades e sentimentos. Adoro brincar com a sopa de letrinhas no final de noite enrolada numa manta polar negra aconchegante.

1 comentário:

Mak, o Mau disse...

Não fosse eu um bocado analfabeto e tenho a certeza que tiraria outro gosto da sopa de letras...